Qual é a relação entre tecnologia e capacitação estratégica? Por Flávio Maneira

Por Flavio Maneira
Categoria: Artigos | Postado em 06-02-2016


 

Nesse exato momento estou no CBTD 2015 (Congresso Brasileiro de Treinamento e Desenvolvimento) e após minha palestra (sobre “Performance”) aconteceu uma “mesa redonda” envolvendo profissionais da área (RH e Treinamento) sobre “Recursos de Aprendizagem”.

Divido em dois momentos, um no contexto “presencial” (especificamente sobre utilizar metodologias que facilitam esse processo, por exemplo, design thinking) e outro, o “Digital”. Quando menciono “digital” devemos antes de mais nada “medir” o quanto as pessoas entendem exatamente , por exemplo, o que é “mídia social”, a maioria tem um grande “desconhecimento” e uma grande distorção do potencial de aprendizagem, colaboração e conexões interessantes que podem acelerar significativamente o processo de aprendizagem.

Outro ponto é a “mobilidade”, ou seja, a informação está na sua “mão”, porém transformar ela em “conhecimento” é mais além, ou seja, é necessário “criar” uma estratégia de aprendizagem direcionada. Tenho utilizado o “videocasting” (e o podcast) como uma forma bem eficiente, conseguindo medir resultados do avanço da retenção dos temas em questão.

Por fim, é fundamental a total sinergia entre a tecnologia, o novo contexto midiático e a forma de capacitar pessoas. Isso está “em nossas mãos”, não é mesmo? Pense nisso.

Flávio Maneira




Comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *